PT
|
EN
|
FR
168
Idea number
Open Lisbon Logo

LisBOAideia

Museu da Escravatura

Cultura
Considerando que Lisboa é e continua a ser uma cidade aberta ao mundo, seria de extrema importância e tendo em conta a Declaração Universal dos Direitos do Homem, Lisboa é uma cidade que abriga várias realidades e múltiplas memórias. A memória da escravatura foi uma realidade cá e noutros lugares do mundo. A construção do museu da escravatura não só permitiria a evocação da trágica memória, mas igualmente estabelecia a ponte com um olhar pedagógico e formativo sobre esta triste realidade. Assistimos hoje à escala global outras formas de escravatura moderna. Temos em conjunto que combater esse modo de estar e de pensar. O museu da escravatura em Lisboa ia ao encontro da história mas vai ao encontro do futuro. Um futuro assente em sociedades mais justas, mais solidárias, fraternas onde nunca se esqueça o grande sonho do que foi e é Declaração Universal dos Direitos do homem. Este Museu em Lisboa cada vez mais procurada por diferentes públicos constituía também um local de aprendizagem pelo "confronto" de uma realidade triste do passado mas que em termos atuais permitiria fazer-se justiça com a história. Igualmente a construção do museu iria permitir nos seus diferentes suportes documentais e materiais de edição ilustrativa dessa realidade o que foi a escravatura e um caminho para a compreensão dessa tragédia entre outras que ocorreram em toda a humanidade. A ideia resulta de um inquietação antiga e atual como forma de prevenir qualquer tipo de violação de Direitos Humanos
Not accepted status translation

101

0

Participa!
2018-01-04
Gabriel Baguet Jr
Thematic Area
Cultura